Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

Desporto

Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

A relação entre o treinador português e o jogador francês do Manchester United já viveu melhores dias, mas esta não é a única relação conturbada entre treinadores e jogadores.

Artigo de Bruno Seruca

08-10-2018

Existem jogadores que estão eternamente gratos aos treinadores com quem se cruzaram ao longo da carreira. Mas também existem outros que não podem sequer ouvir dizer o nome de determinado técnico. Entre estes dois pontos existem muitas relações conturbadas. Umas passam mais despercebidas, outras acabam por ser notícia em todo o mundo. Nos últimos tempos tem dado que falar a relação conturbada de José Mourinho com Paul Pogba, mas o paraeles recorda mais 10 relações complicadas entre jogadores e treinadores.

José Mourinho e Paul Pogba
Paul Pogba tinha sido promovido a capitão do Manchester United, posição da qual acabou por ser despromovido pelo técnico português. “É um jogador, mas não um capitão”, disse o Special One. Nos últimos tempos correu mundo um vídeo de um momento mais tenso entre treinador e jogador. Neste vídeo é possível perceber o que foi dito e fica a ideia de que a relação entre ambos já viveu dias melhores.

 

 

Iker Casillas e José Mourinho
Durante a sua passagem pelo Real Madrid, José Mourinho relegou Iker Casillas para a posição de suplente dos merengues. E a relação entre ambos fez correr muita tinta em Espanha. “Com Mourinho fiquei calado para não montar um circo”, disse o atual guarda-redes do Porto, em entrevista ao jornal Marca. Já o treinador chegou a assumir em público que preferia o guarda-redes Diego López.

 

 

Guardiola teve problemas em Espanha e na Alemanha

 

Pep Guardiola e Zlatan Ibrahimovic
Foi também em Espanha, mas na Catalunha, que teve lugar uma das relações mais problemáticas dos últimos anos e que ainda hoje faz com que Ibrahimovic deixe duras críticas a Pep Guardiola. “Ele é um cobarde, não é um homem”, é apenas um dos muitos mimos que o avançado sueco já confessou sobre o treinador catalão.

Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

Pep Guardiola e Ribéry
Apesar de não ser tão complicada, também na Alemanha Pep Guardiola teve problemas com um dos craques do Bayern Munique. “Com Ancelotti sinto confiança novamente, ele é um grande treinador, Guardiola é um jovem treinador, ele não tem experiência, fala demais às vezes e o futebol é muito simples”, disse o françês depois de Guardiola abandonar o clube alemão.

Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

Sá Pinto agrediu Artur Jorge e Carlos Queiroz e Ronaldo de relações cortadas

Artur Jorge e Sá Pinto
26 de março de 1997. Ricardo Sá Pinto deslocou-se ao Estádio Nacional depois de não ter sido convocado pelo selecionador Artur Jorge, que terá alegado indisciplina do jogador para a ausência da convocatória. Nessa manhã, o jogador agrediu o selecionador e acabou por ficar um ano sem jogar. Mais tarde, e enquanto dirigente do Sporting, Sá Pinto também se envolveu numa cena de pancadaria com o avançado Liedson.

Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

Carlos Queiroz e Cristiano Ronaldo
A prestação de seleção portuguesa no Mundial de 2010 deixou muito a desejar. Depois da eliminação, os jornalistas perguntaram a Cristiano Ronaldo o que tinha corrido mal. “Falem com o Carlos Queiroz”, respondeu o jogador. “O futebol português não começou com ele”, devolveu o treinador anos mais tarde. De acordo com alguma imprensa, treinador e jogador não se falam desde 2010.

Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

Gerrard, Balotelli e Romário também tiveram relações conturbadas com treinadores

Steven Gerrard e Rafa Benitez
Fazem parte de um dos momentos mais marcantes da história do Liverpool, com a conquista da Liga dos Campeões em 2004/05. Mas a relação entre o capitão e o treinador espanhol não era a melhor, ainda que passasse despercebido. “Posso ligar para todos os meus ex-treinadores e conversar com eles… exceto Rafa. Tinha uma relação fria e ultra-profissional com ele. Nunca me deu uma alcunha ou chamou pelo nome, mas só pelo apelido. Não o fazia com mais ninguém”, contou o Gerrard na sua autobiografia.

Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

Mancini e Balotelli
Foi também em Inglaterra que teve lugar um duelo italiano. Roberto Mancini e Mario Balotteli chegaram mesmo a pegar-se durante um treino do Manchester City. E este foi apenas um dos momentos protagonizados por ambos. Mas tudo parece fazer parte do passado pois enquanto selecionador italiano, Mancini foi o responsável pelo regresso de Balotteli à seleção.

 

 

Romário e Ranieri
Em Espanha, depois de ter brilhado com a camisola do Barcelona, Romário passou pelo Valência, onde foi treinado por Claudio Ranieri, que não apreciava o estilo de vida boémio do avançado brasileiro. “No dia em que assinei disse ao presidente que amo a noite e que quando não saio, não marco. Um dia, no Palmeiras, cheguei ao hotel às sete da manhã e marque três golos”, disse Romário. Que chegou a ser confrontado pelo treinador, que disse ter ouvido que o jogador tinha saído até às quatro da madrugada. A conversa foi feita em frente ao plantel e Romário respondeu desta forma: “Na minha vida privada faço o que quero. E se você não gosta, que se foda.”

 

 

Luís Aragonés vs Etoo
Está o nome de Aragonés, mas poderia estar o do português Jaime Pacheco. Só que a relação entre o treinador espanhol e o avançado camaronês foi mais intensa. Treinador e jogador até acabaram por ficar amigos para a vida, mas o temperamento de ambos deu origem a um momento intenso. Depois de ter sido substituído, Etoo atirou uma garrafa contra o chão com violência. Aragonés não gostou e agarrou o jogador. Com Jaime Pacheco, Etoo abandonou um treino porque queria vestir calças e o português fez questão que continuasse a treinar com os calções que tinha vestido.

Mourinho contra Pogba e outros 10 duelos marcantes entre treinadores e jogadores

Delio Rossi e Adem Ljajic
São os menos famosos da lista, mas protagonizaram um momento visto em direto em todo o mundo. Depois de ter sido substituído, algo que o desagradou, Adem Ljajic enquanto passava pelo banco de suplentes insultou o filho de Delio Rossi, então treinador da Fiorentina. Algo que levou o treinador a agredir o jogador e a ser demitido do cargo. “O meu gesto foi deplorável, mas humanamente compreensível. Existem valores que não comprometo: respeito por mim, pelo trabalho, pela equipa e pela minha família. Ele tocou em tudo”, explicou o treinador.

 

Fotos: Impala, Reuters e DR

Artigo de
Bruno Seruca

08-10-2018



RELACIONADOS