Cristiano Ronaldo faz história na Champions com hat-trick, mas não foi frente ao Atlético de Madrid

Cristiano Ronaldo faz história na Champions com hat-trick, mas não foi frente ao Atlético de Madrid

Desporto

Cristiano Ronaldo faz história na Champions com hat-trick, mas não foi frente ao Atlético de Madrid

Jogador português marca três golos e ajuda Juventus a virar a eliminatória frente ao Atlético de Madrid. Mas CR7 não precisa destes três golos para ficar na história da competição.

Artigo de Bruno Seruca

13-03-2019

A Juventus contratou Cristiano Ronaldo a pensar no desejo de voltar a conquistar a Liga dos Campeões. E quando o clube italiano mais precisava do português, CR7 respondeu com um hat-trick que eliminou o Atlético de Madrid. Os três golos do capitão da seleção portuguesa estão a correr mundo, mas Cristiano Ronaldo não precisa deles para entrar para a história da competição no que a um hat-trick diz respeito.

 

 

Foi em 1992 que a Taça dos Campeões Europeus passou a ter o nome de Liga dos Campeões. Desde então, 89 jogadores de 35 países conseguiram o feito de marcar três golos num só jogo. Foi algo que aconteceu em 122 ocasiões, com jogadores de 45 clubes e de 15 campeonatos diferentes. E aquele que fica para a história como o primeiro é Juul Ellerman, antigo jogador do PSV Eindhoven. Que marcou por três vezes na goleada por 6-0 frente aos lituanos do FK Vilnius.

Cristiano Ronaldo é o jogador com mais golos na Liga dos Campeões

Habituados a lutar pela conquista da Bola de Ouro, Cristiano Ronaldo e Lionel Messi são os únicos dois jogadores que marcaram três (ou mais) golos em oito jogos da Liga dos Campeões. Mas o português não se fica por aqui. CR7 é um dos cinco jogadores que conseguiram fazer um hat-trick em duas épocas consecutivas. É também um dos dois jogadores que conseguiu marcar três golos em dois jogos consecutivos. O outro é Luiz Adriano, na altura em que jogava no Shakhtar.

E a história não acaba aqui. Cristiano Ronaldo é o único jogador a conseguir marcar três golos em três jogos na mesma época, feito alcançado com a camisola do Real Madrid. O português é ainda o jogador mais velho a conseguir fazer um hat-trick. Este marco foi alcançado frente ao Atlético Madrid, numa altura em que conta com 34 anos.

Português é o único a fazer três hat-tricks na mesma época

Raúl, antiga lenda do Real Madrid, é o jogador mais jovem a conseguir um hat-trick na competição. Aconteceu quando tinha apenas 18 anos e frente ao Ferencváros. Já Bafétimbi Gomis detém o recorde de hat-trick mais rápido. Foi em 2011, pelo Lyon, que necessitou apenas de sete minutos para marcar três golos aos croatas do Dinamo Zagreb.

Existe ainda outro dado com ligações a Portugal, mas que não diz respeito ao craque da Juventus. Apenas sete jogadores conseguiram fazer um hat-trick no jogo de estreia na Liga dos Campeões. Marco Van Basten (pelo Milan, sendo que marcou quatro golos, algo que mais ninguém conseguiu), Faustino Asprilla (Newcastle), Yakubu (Maccabi Haifa), Wayne Rooney (Manchester United), Vincenzo Iaquinta (Udinese), Grafite (Wolfsburgo). A estes junta-se Brahimi, com a camisola do Porto.

O recorde de golos, desde que existe Liga dos Campeões, num só jogo pertence a Luiz Adriano e a Messi. Ambos os jogadores conseguiram marcar cinco golos num só jogo. Já Cristiano Ronaldo é o jogador com mais golos na competição, tendo marcado até ao momento 125 golos.

Fotos: Reprodução Instagram
Artigo de
Bruno Seruca

13-03-2019



RELACIONADOS