Joana Torres: “Perguntam-me várias vezes onde podem encontrar uma igual a mim”

Joana Torres: “Perguntam-me várias vezes onde podem encontrar uma igual a mim”

Galerias

Joana Torres: “Perguntam-me várias vezes onde podem encontrar uma igual a mim”

Joana Torres tem 27 anos, é uma portista a viver em Lisboa e tem duas dezenas de tatuagens no corpo. Confessa que gosta de um homem tatuado, mas se tiver sentido de humor e for humilde, então, rouba-lhe o coração.

Artigo de Equipa Paraeles

10-08-2018

Toda a gente irá concordar se dissermos que Portugal tem muitos encantos espalhados de norte a sul. Boa gastronomia, praias de enorme qualidade, uma oferta cultural acima da média, entre muitas outras coisas que fazem as delícias de quem cá mora e dos milhões de turistas que todos os anos visitam o nosso país.

O que tem também muito encanto é percorrer o feed do Instagram e constatar que está repleto de mulheres portuguesas que partilham diariamente imagens fantásticas – as quais merecem toda a nossa e sua atenção. E como não queremos que perca horas e horas a tentar encontrá-las no Instagram, basta que visite o nosso site para ver o que de melhor há nesta rede social.

Joana Torres tem 27 anos, é uma portista a viver em Lisboa e tem duas dezenas de tatuagens no corpo. Confessa que gosta de um homem tatuado, mas se tiver sentido de humor e for humilde, então, rouba-lhe o coração.

Olá, Joana. Apresenta-te aos nossos leitores.
Tenho 27 anos, sou de Lisboa, tenho licenciatura em Línguas e Literaturas pendente e que quero terminar num futuro próximo. No entanto, concluí outros cursos, como Vitrinismo e Visual Merchandising. Neste momento trabalho numa loja mas, caso termine a licenciatura, sempre quis especializar-me na área das bibliotecas.

É impossível não reparar nas tatuagens que tens.
Desde que me lembro de ser criança que ficava fascinada com tatuagens. Cresci a dizer à minha mãe que quando tivesse oportunidade iria ‘decorar’ a minha pele: não menti.

Quantas tens? E quantas mais queres fazer?
Tive que parar para contar, como sempre. Neste momento tenho 20 e já estou a pensar nas próximas.

“Neste momento, tenho 20 tatuagens e já estou a pensar nas próximas”

O que te leva a fazer uma nova tatuagem?
Não sou da opinião que têm todas que ter um significado. Inicialmente, talvez. Depois, pode ter um significado ou não, desde que se goste daquilo que nos vai acompanhar para a vida toda. Já fiz tatuagens sem significado que acabei por lhes atribuir um e por associar a determinada fase da minha vida em que as fiz.

E já te arrependeste de alguma tatuagem que tenhas feito?
Nunca.

Preferes homens tatuados ou sem tatuagem?
Gosto mesmo muito de homens tatuados, não minto. Mas não é isso que me cativa num homem.

E qual o famoso tatuado que mais gostas?
O único que me ocorre de momento é o David Beckhamn. Acho que não é preciso justificações (risos).

Mudando de assunto. Falemos de viagens.
Viajo desde miúda com os meus pais. Ultimamente tenho dado prioridade a conhecer Portugal, que é um pequeno paraíso e que muitos desvalorizam. O sítio que visitei, e que talvez tenha gostado mais, foi sido Jerusalém. Por toda a história que carrega.

“Gosto mesmo muito de homens tatuados, não minto”

E que viagem queres fazer nos próximos tempos?
Adorava ir à Grécia. Não sei, sempre fui apreciadora de mitologia grega. Também gostava de visitar Macau, onde a minha mãe viveu durante muitos anos.

E sobre música, o que é precisamos de saber sobre ti?
Oiço um pouco de tudo neste momento, mas cresci a ouvir maioritariamente punk/rock. O melhor concerto que talvez tenha assistido foi The Cure. Traz-me boas memórias.

E costumas ir a festivais?
Por acaso não vou há algum tempo. Já fui ao SBSR e ao Rock and Rio. O que me atrai é obviamente a música e o convívio com os amigos.

Gostas de futebol?
Atualmente não ligo muito a futebol. Sou uma portista a viver em Lisboa e escusado será dizer que ‘sofri’ (risos).

Falemos do teu corpo. O que gostas mais em ti?
Dos olhos e da minha cintura.

“Sou uma portista a viver em Lisboa”

E o que gostas mais num homem?
O sorriso e os olhos são sempre o que saltam à vista. Se tiver um bom sentido do humor e for humilde, então, rouba-me o coração.

E eles em ti?
Boa questão. Muitos dizem que acham uma certa piada por eu ser uma pessoa difícil, que não deixa facilmente alguém entrar na minha vida e conhecer-me. Sou realmente muito fechada nesse sentido. Não dou confiança facilmente.

Mudando de assunto, como é que são os teus biquínis?
Pequeninos, gosto de bronzear-me e não tenho complexos. No entanto, também uso fatos de banho, depende do que me apetece.

“Gosto dos olhos e da minha cintura”

E preferes praia ou piscina?
Piscina. Sinto-me mais segura, não sou de grandes aventuras no mar.

Qual o piropo mais engraçado que já recebeste?
Torna-se difícil lembrar-me. Como trabalho numa loja, perguntam-me várias vezes se estou à venda, ou onde podem encontrar uma igual a mim. Joana Torres, só há uma (risos).

E quais são os teus hobbies preferidos?
Ler, tirar fotografias (acho que se nota!), praia e adoro conhecer sítios novos.

E o que fazes para estar em forma?
Faço ginásio, tento que seja de forma regular, mas nem sempre os meus horários rotativos permitem. Cometo algumas asneiras, no que toca aos alimentos, mas no geral como saudável.

Vamos até ao teu Instagram. Qual é a tua foto preferida?


Tirei esta há pouco tempo e adoro. Acho que estou com uma presença diferente de todas as outras.

E qual é o tipo de foto que os teus seguidores mais gostam?
As meninas gostam mais dos looks, mas o público masculino gosta mais daquelas em que exponho o corpo – fotos na praia, por exemplo.

E qual a mensagem mais bizarra quejá recebeste pelas redes sociais?
Talvez um rapaz a implorar que saísse com ele, porque tinha apostado com os amigos em como conseguia. Óbvio, que perdeu a aposta (risos).

“Um rapaz a implorar que saísse com ele, porque tinha apostado com os amigos. Óbvio, que perdeu a aposta”

O que é que os teus amigos e namorado acham das fotos que partilhas?
Não tenho namorado. Os meus amigos acham piada, apoiam-me, às vezes gozam um bocadinho, mas são os primeiros a fotografar e a sugerir sítios.

Quanto tempo demoras, depois de acordares, até ires dar uma espreitadela no feed do Instagram?
5 minutos, talvez.

E qual é a última coisa que fazes antes de adormecer?
Óbvio que vou cuscar o instagram.

Ainda não segue a Joana Torres no Instagram? Então não sabe o que anda a perder.

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

10-08-2018



RELACIONADOS