Neal McDonough despedido de série por recusar beijar e fazer cenas de sexo com atriz

Neal McDonough despedido de série por recusar beijar e fazer cenas de sexo com atriz

Culto

Neal McDonough despedido de série por recusar beijar e fazer cenas de sexo com atriz

Ator norte-americano assume que respeito pela mulher e religião fizeram com que vivesse momentos complicados.

Artigo de Bruno Seruca

10-01-2019

Participou em grandes filmes como “Relatório Minoritário” e “Capitão América: O Primeiro Vingador”, mas o currículo e carreira não impediram Neal McDonough de ser despedido de uma série. O afastamento esteve relacionado com o facto de o ator norte-americano, de 52 anos, se recusar a fazer cenas de sexo e a beijar a atriz Virginia Madsen, com quem contracenou na série “Scoundrels”, que estreou em 2010.

Junte-se a nós no Instagram

 

Na altura, Neal McDonough perdeu quase 900 mil euros e o afastamento foi explicado, pela produtora, com base em divergências criativas. Na realidade, o ator não aceita beijar outras mulheres por respeito à religião e à mulher. Foi numa entrevista à Fox News que Neal falou sobre o assunto.

Mais uma namorada de Ronaldo? Veja o vídeo:

“Fiquei surpreso, foi uma situação horrível para mim”, começou por dizer. “Depois disso foi difícil conseguir trabalho porque todos achavam que era um fanático religioso. Coloco Deus e a família em primeiro lugar e eu estou em segundo, é assim que vivo. Foi difícil por alguns anos”, lamenta.

“Os meus lábios pertencem a uma mulher só”

Neal McDonough está casado com a modelo Ruvé Robertson desde 2003 e o casal já tem cinco filhos. “Não vou beijar nenhuma outra mulher porque os meus lábios pertencem a uma mulher só”, explica. “Quase 20 anos depois, cinco filho e uma vida incrível, somos parceiros para tudo, sou o homem mais abençoado do mundo. É por isso que vou à igreja todos os dias e agradeço a Deus por tudo que me deu”, conclui.

Fotos: Reprodução IMDB

Artigo de
Bruno Seruca

10-01-2019



RELACIONADOS