Pulseira para combater coronavírus apita sempre que quiser tocar na cara

Pulseira para combater coronavírus apita sempre que quiser tocar na cara

Lifestyle

Pulseira para combater coronavírus apita sempre que quiser tocar na cara

Para combater o coronavírus, uma empresa de jovens empreendedores criou uma pulseira que apita sempre que os utilizadores estiverem prestes a tocar na cara.

Artigo de Equipa Paraeles

05-04-2020

A imprevisibilidade e desconhecimento do novo coronavírus é grande o que faz com que toda uma comunidade científica tenha focado as suas forças no seu estudo e na forma como este pode ser combatido. Este estudo e luta não se prende apenas à produção de uma vacina. Importantes são também as ferramentas que ajudem nosso dia-a-dia a evitar a contaminação. Até porque esta é também uma forma de evitar a propagação. Nesse contexto, numa iniciativa de jovens empreendedores, surge uma pulseira que apita sempre que tocamos na cara.

Aproveite este bónus de 50 euros para ganhar dinheiro a jogar casino ou a apostar. Registe-se aqui

É sabido e fortemente difundido que um dos métodos mais comuns de transmissão deste coronavírus é através da cara – boca, nariz e olhos – quando tocada com as mãos, que por sua vez podem servir de transporte do vírus. Importa, portanto, lavar sempre bem as mãos e evitar levá-las à cara. É precisamente essa a missão da pulseira criada pela empresa Slightly Robot, a Immutouch.

Leia ainda: Divirta-se e ganhe dinheiro com as melhores slots machines (e sem sair de casa)

Pulseira combate também vícios como roer as unhas

“Tínhamos o algoritmo, tínhamos o software e o hardware. Alteramos [a pulseira] para toques na cara. Fizemos 350 dispositivos e um site em apenas uma semana e agora vamos ver quão rápido conseguimos aumentar”, contou Matthew Toles, um dos fundadores da empresa, em entrevista à Reuters.

Veja também: 5 razões para escolher a Betano.pt como o seu site de apostas de eleição

Através de um aviso sonoro, a pulseira alerta sempre que o utilizador está prestes a tocar com a mão na cara. Desta forma, é também possível evitar certos tiques e vícios, como por exemplo roer as unhas ou espremer borbulhas, que são comportamentos que promovem o contágio.

Percorra a galeria e veja imagens da immutouch.

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

05-04-2020



RELACIONADOS