Estas são 5 incríveis cidades subterrâneas espalhadas pelo mundo

Estas são 5 incríveis cidades subterrâneas espalhadas pelo mundo

Lifestyle

Estas são 5 incríveis cidades subterrâneas espalhadas pelo mundo

Ao longo da história, autênticas cidades subterrâneas foram sendo construídas, espalhadas um pouco por todo o mundo. O objetivo era diverso. Desde transporte de mercadorias, até refúgio em caso de guerra. E até para permitir que as pessoas fossem trabalhar no inverno sem apanhar tanto frio.

Artigo de André Cruz Martins

10-03-2020

Ao longo da história, autênticas cidades subterrâneas foram sendo construídas, espalhadas um pouco por todo o mundo. O objetivo era diverso. Desde transporte de mercadorias, até refúgio em caso de guerra. E até para permitir que as pessoas fossem trabalhar no inverno sem apanhar tanto frio. Conheça cinco fantásticas cidades subterrâneas. E com a boa notícia de todas estarem abertas a visitas.

Derinkuyu – Capadócia, Turquia

Cidades subterrâneas é o que não falta na região da Capadócia, na Turquia. As mais antigas datam do século VIII a.C. A maior chama-se Derinkuyu, que significa “poço profundo”. Trata-se de um labirinto com 18 andares onde existem cozinhas, poços, adega e um espaço de habitação para 20 mil moradores. Esta estrutura foi construída pelos hititas e serviu como refúgio durante várias guerras.

Leia ainda: 5 templos religiosos espalhados pelo mundo que merecem uma visita

Crysta Nagahori (Osaka, Japão)

A cidade japonesa de Osaka é conhecida muito devido às suas galerias comerciais subterrâneas. Na verdade, estamos mesmo a falar de enormes centros comerciais, iguais a tantos outros com o detalhe de estarem situados no subsolo. O Crysta Nagahori é um dos maiores shoppings do Japão e destaca-se pelo átrio com teto de vidro e pelas mais de 100 lojas que existem no seu interior.

PATH (Toronto, Canadá)

O PATH é um sistema de túneis subterrâneos na cidade de Toronto. Foi construído no início do século XX, para ajudar à deslocação dos trabalhadores para o centro da cidade durante o inverno. Como as temperaturas eram muito baixas, esta foi a forma encontrada para atenuar o seu sofrimento. A rede foi ampliada quando ocorreu a integração com o metro. Hoje em dia, esta cidade subterrânea tem mais de 30 quilómetros de comprimento. E acolhe dezenas de lojas, linhas de metro e restaurantes. O PATH liga vários edifícios empresariais e pontos turísticos de Toronto. Mais de 150 mil pessoas usam estes túneis diariamente.

Veja também: 5 ilhas de sonho pouco conhecidas nas Caraíbas

Dixia Cheng (Pequim, China)

Durante a Guerra Fria, Mao Tsé Tung, presidente da China, mandou construir uma cidade subterrânea em Pequim. O objetivo era servir de proteção a ataques nucleares de grandes proporções. Esta autêntica cidade subterrêna serviria para abrigar toda a população de Pequim. A sua inauguração ocorreu em 1970 e o governo garantiu que lá caberiam 6 milhões de pessoas durante uma crise. E teriam à sua disposição escolas, hospitais, fábricas e fazendas de cultivo. Dixia Cheng tem cerca de 85 quilómetros quadrados e 90 entradas e saídas para a superfície. Felizmente, nunca foi usada para o fim a que estava destinada. Hoje em dia está aberta a visitas, mas apenas em algumas partes.

Shanghai Tunnels (Portland, Estados Unidos)

Esta rede de túneis encontra-se entre o bairro de Chinatown e o centro de Portland. A sua construção terminou em 1962, ligando diversos bares e restaurantes do centro da cidade ao rio Willamette. Desta forma, as mercadorias passaram a transitar pela cidade mais facilmente. Mas nem tudo foi positivo. No passado, alguns criminosos usavam os túneis para contrabando de mercadorias e tráfico de drogas.

Percorra a galeria e veja imagens destas cidades subterrâneas.

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Artigo de
André Cruz Martins

10-03-2020



RELACIONADOS