Cork: a segunda maior cidade irlandesa tem edifícios históricos, bons museus e uma agitada vida noturna

Cork: a segunda maior cidade irlandesa tem edifícios históricos, bons museus e uma agitada vida noturna

Lifestyle

Cork: a segunda maior cidade irlandesa tem edifícios históricos, bons museus e uma agitada vida noturna

Cork tem belas igrejas e castelos e uma aparência de cidade pequena, mas sem perder a vibração das grandes metrópoles. Também possui bons museus e fama de ter uma agitada vida noturna.

Artigo de Equipa Paraeles

17-12-2019

Pode não ser muito conhecida internacionalmente, mas Cork é a segunda maior cidade da República da Irlanda. Destaca-se não apenas pela dimensão, mas por um conjunto de interessantes atrações turísticas. Cork tem belas igrejas e castelos e uma aparência de cidade pequena, mas sem perder a vibração das grandes metrópoles. Também possui bons museus e fama de ter uma agitada vida noturna.

Uma igreja, o castelo e o mercado

A Igreja de St. Anne, cuja construção terminou em 1722, é um dos grandes símbolos de Cork. Os turistas podem subir até à sua torre sineira e observar uma magnífica vista da cidade. Outro local incontornável é o Castelo de Blackrock, que fica a 2 quilómetros do centro de Cork, nas margens do rio Lee. Originalmente desenvolvido como fortificação de defesa costeira no século XVI, hoje em dia possui um observatório, centro de visitantes e um restaurante.

Leia ainda: O que fazer à borla em… Dublin

Se quiser conhecer a cidade profunda, não deixe de passar pelo English Market, em funcionamento desde 1788. Aqui, os produtores locais vendem peixe, carne, frutas, queijos, pães e bolos.

A rua principal, um parque aprazível e dois museus

Cork também é uma cidade cosmopolita, como perceberá ao percorrer a St. Patrick’s Street, a sua principal avenida. Aqui não faltam restaurantes e lojas de grandes marcas. E também monumentos históricos, como a Father Mathew Statue e o The Echo Boy. Para passear e respirar ar puro, a melhor zona é o Fitzgerald Park. Fica no bairro Mardyke, nas margens do rio Lee, a 20 minutos a pé do centro da cidade.

Veja também: Cotswolds, uma viagem à Inglaterra profunda das cidades e vilas pitorescas

Cork tem alguns bons museus e um dos mais emblemáticos é o Cork Public Museum, que conta a história da cidade ao longo dos séculos. Não deixe também de visitar o curioso Cork Butter Museum, que de forma divertida nos elucida sobre a importância da manteiga na cidade. Isto enquanto vai podendo deliciar-se com bolos e pão com manteiga.

Uma animada vida noturna

Cork tem das melhores vidas noturnas da República da Irlanda. Depois do jantar, pode começar por assistir a uma peça de teatro, a um espetáculo de balé ou um concerto na Cork Opera House. Depois, é hora de passar um bom bocado nos pubs da cidade. Aliás, não faltam pubs espalhados um pouco por todo o lado. Um dos mais tradicionais é o The Oliver Plunkett.

Se chegar cedo, pode aproveitar o Irish Dinner and Show, que é servido de domingo a quinta-feira, a partir das 19 horas. Trata-se de um jantar com três pratos típicos do país, enquanto assiste a um show de música irlandesa. Para terminar a noite, sugerimos a Havana Browns, uma das discotecas da moda, onde pode ouvir música comercial.

Percorra a galeria e veja mais fotos de Cork.

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

17-12-2019



RELACIONADOS