Divórcio e fantasias sexuais levam Mel B a perder fortuna de 88 milhões de euros

Divórcio e fantasias sexuais levam Mel B a perder fortuna de 88 milhões de euros

Fama

Divórcio e fantasias sexuais levam Mel B a perder fortuna de 88 milhões de euros

Scary Spice acusa ex-marido de ter gravado 64 relações sexuais do casal e revela que depois do divórcio ficou apenas com 820 euros no banco.

Artigo de Bruno Seruca

20-11-2018

Depois do anúncio da digressão que assinala o reencontro das Spice Girls, é Mel B quem dá que falar. Aquela que é conhecida como Scary Spice vai literalmente abrir o livro da sua vida com a publicação de “Brutally Honest” (“Brutalmente Honesta” em tradução livre), a autobiografia que revela todos os detalhes sobre a vida da artista, de 43 anos. Desde as tentativas de suicídio até ao vício em sexo e ao divórcio que lhe levou a fortuna de 88 milhões de euros.

 

 

A imprensa internacional teve acesso a partes da obra e uma das que está a causar maior polémica diz respeito às fantasias sexuais de Mel B e da forma como o ex-marido, Stephen Belafonte, tirou proveito do aceso desejo sexual da cantora. A artista acusa o antigo companheiro de alegadamente ter gravado 64 relações sexuais do casal sem o consentimento da mulher, que estaria sob o efeito de drogas.

“O sexo a três foi ideia minha”

“O sexo a três foi ideia minha, mas claro que o meu marido estava preparado para isso. Tinham que ser mulheres, o que me agradou bastante porque amo mulheres e sempre achei o corpo muito mais bonito do que o dos homens”, explica Mel B. A cantora conta ainda que sempre foi adepta de novas experiências sexuais e que não tem qualquer pudor nesta área da sua vida. Já em 2014, a Scary Spice tinha assumido ter mantido uma relação lésbica durante quatro anos com uma mulher que tinha os filhos na mesma escola da sua filha.

O divórcio, depois de 10 anos de casamento com Stephen, levou Mel B a perder a fortuna acumulada ao longo de duas décadas. “Nos últimos 20 e poucos anos da minha vida acumulei mais de 88 milhões de euros”, conta no livro. “Quando conhecido o meu segundo marido, tinha uma casa e um apartamento em Los Angeles, junto com uma ótima carreira. Quando o deixei, fiquei com 820 euros no banco”, revela.

“De mãe solteira e independente, tornei-me numa mulher que não tinha conhecimento das suas finanças”

“De mãe solteira e independente, tornei-me numa mulher que não tinha conhecimento das suas finanças, que não tomava decisões e não mantinha relacionamentos com velhos amigos e família. Tornei-me numa mulher sem um computador próprio, que não conduzia, não sabia da minha vida financeira e não tomava decisões”, prossegue. “Saí com nada além dos 820 euros, malas cheias de roupas, livros e brinquedos. Não importava. Estava feliz, as minhas filhas estavam felizes, finalmente, após dez anos, estava livre”, defende. Mel B ainda chegou a acusar o ex-marido de violência doméstica, mas alegadamente desistiu da acusação depois da ameaça de divulgação dos vídeos sexuais do casal.

Tentativa de suicídio

Na autobiografia, Mel B fala ainda sobre o consumo de cocaína e da tentativa de suicídio, algo que aconteceu em 2014, antes do final de “X Factor”, programa do qual é jurada. “Por trás do brilho da fama, senti-me emocionalmente maltratada, afastada da minha família. Senti-me odiada pelo homem que prometeu amar-me e proteger-me, o meu marido Stephen”, conclui.

Polémica com Eddie Murphy

Em 2006 anunciou estar grávida de Eddie Murphy, com quem namorava na altura. O ator acabou por acabar a relação ao saber da gravidez e disse que não podia ser o pai da criança por só terem tido relações sexuais uma vez. Depois de uma longa batalha judicial, ficou provado que Eddie Murphy é pai de Angel Iris. O ator assumiu a paternidade mas revelou que não irá conviver com a filha.

Percorra a galeria e veja as melhores fotos de Mel B

Fotos: Impala

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Artigo de
Bruno Seruca

20-11-2018



RELACIONADOS