Premier League. O clube que não tem reforços e as 10 transferências mais caras

Premier League. O clube que não tem reforços e as 10 transferências mais caras

Desporto

Premier League. O clube que não tem reforços e as 10 transferências mais caras

As 10 maiores transferências do campeonato inglês movimentaram mais de 500 milhões de euros, mas um clube de topo não gastou um cêntimo em reforços.

Artigo de Bruno Seruca

10-08-2018

É considerado um dos melhores campeonatos do mundo. Além da competitividade, a Premier League é conhecida pela riqueza dos clubes e dos muitos milhões que os emblemas têm para gastar em reforços que permitam lutar pelos objetivos. O mercado de verão já fechou e as 10 transferências mais caras movimentaram mais de 500 milhões de euros.

E se José Mourinho, treinador do Manchester United, queixou-se da falta de recursos, há um caso inédito de um clube que não comprou nem vendeu nenhum jogador. O Tottenham é oficialmente o primeiro clube a não contar com reforços para uma nova época. Algo que nunca tinha acontecido desde 2003, altura em que foi instituída uma data limite para as transferências.

O Tottenham conseguiu o feito inédito de não vender ou comprar jogadores.

A equipa londrina, treinada por Mauricio Pochettino vai começar a nova época com os mesmos jogadores pois o Tottenham também não vendeu nenhum atleta. “Estou contente por termos conseguido manter a equipa toda junta. Com o dinheiro que estamos a investir no estádio, a direção fez um esforço enorme para renovar contratos e manter a equipa toda junta. Estou muito contente com os jogadores que temos”, disse o treinador ao Guardian.

 

Sandra Matias:”Acho que tenho bons genes”. Leia a entrevista completa e veja mais fotos de @sandramatiasfilipe ? www.paraeles.pt ? #paraeles #galerias #musa #miss #azores #beauty #picoftheday #awesome #summer #entrevista #beleza #sensualidade

Uma publicação partilhada por ParaEles (@paraelesofficial) a

 

Apesar do feito inédito, o Tottenham tentou contratar Jack Grealish ao Aston Villa. Sendo que também esteve perto de vender os passes de Danny Rose, Toby Alderweireld e Moussa Dembelé. E se o clube londrino não gastou dinheiro, existem equipas que gastaram muitos milhões em reforços. O top 10 das transferências mais caras conta com dois guarda-redes e três dos negócios foram feitos pelo Liverpool.

Entre na galeria e conheça os negócios mais caros da Premier League.

Fotos: Reprodução Instagram

Artigo de
Bruno Seruca

10-08-2018



RELACIONADOS