“Perdidos”, o regresso da série é um sonho de quem tem poder para torná-lo real

“Perdidos”, o regresso da série é um sonho de quem tem poder para torná-lo real

Culto

“Perdidos”, o regresso da série é um sonho de quem tem poder para torná-lo real

Karey Burke, a nova presidente da ABC Entertainment, revelou que sonha todas as noites com o regresso da série de culto.

Artigo de Equipa Paraeles

08-02-2019

Numa altura em que se vive o “boom” das séries, em quantidade e qualidade, não é descabido que se fale de um regresso de “Perdidos” (“Lost”, no título original). Pelo menos é com isso que Karey Burke, a nova presidente da ABC Entertainment, sonha todas as noites.

“Gostava muito que isso acontecesse. Esse é um reboot que eu estaria interessada em ver. É literalmente aquilo em que sonho quando vou para a cama à noite”, confessou Karey Burke durante um encontro da Television Critics Association.

“Perdidos” teve seis temporadas, entre 2004 e 2010. Começou com a queda de um avião numa ilha no meio do Pacífico. Matthew Fox, Evangeline Lilly, Naveen Andrews, Josh Holloway, Daniel Dae Kim, Terry O’Quinn, Jorge Garcia, Emilie de Ravin, Michael Emerson e Elizabeth Mitchell faziam parte do elenco da série da ABC.

Evangeline Lilly e as cenas de nudez em “Lost” que levaram a um pedido de desculpas

Estreou em 2004 e durou até 2010. E teve tempo mais do que suficiente para se tornar numa das séries de culto mais famosas dos últimos anos. Falamos de “Lost”, que passados oito anos desde o final ainda dá que falar. Tudo por causa de duas cenas de nudez que deixaram Evangeline Lilly, que dava vida a Kate, bastante desconfortável.

Foi durante a promoção do filme “Homem-Formiga e a Vespa” que Evangeline Lilly revelou algo que se mantinha em segredo até hoje. “Na terceira temporada tive uma má experiência nas gravações quando basicamente me senti obrigada a fazer uma cena de nudez parcial. Senti que não tinha voto na matéria”, disse. “Fiquei mortificada e tremia quando a cena acabou. Estava a chorar e tive de fazer uma cena muito forte de seguida”, acrescenta.

“Tive uma má experiência nas gravações quando basicamente me senti obrigada a fazer uma cena de nudez parcial”

Os problemas repetiram-se na quarta temporada de “Lost”. “Outra cena em que a Kate tinha de se despir e lutei muito para que a cena fosse feita sob o meu controlo. Mas falhei novamente”, conta. Algo que a levou a tomar uma posição. “Disse: ‘acabou. Podem escrever o que quiserem que não faço. Não volto a tirar a roupa neste série’ e assim foi”, conclui.

Estes desabafos levaram a equipa de produtores [J.J. Abrams, Damon Lindelof, Jack Bender e Carlton Cuse] a emitir um pedido de desculpas conjunto. “A nossa resposta aos comentários de Evie é pedir um profundo pedido de desculpas pela experiência que detalhou enquanto trabalhava em ‘Lost’”, pode ler-se no documento. “Ainda não falámos com ela, mas o mantém-se o sincero e profundo pedido de desculpas. Nenhuma pessoa deve sentir-se insegura no trabalho. Ponto final”, acrescentam.

Veja o vídeo e assista a uma das cenas de que a atriz se queixa.

 

 

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

08-02-2019



RELACIONADOS