LVM 496, a moto elétrica que consegue voar não é para todos os bolsos

LVM 496, a moto elétrica que consegue voar não é para todos os bolsos

Automundo.pt

LVM 496, a moto elétrica que consegue voar não é para todos os bolsos

A nova LVM 496 é uma moto completamente fora do comum. Para além de ser elétrica, está equipada com quatro turbinas que fazem com que consiga voar.

Artigo de Equipa Paraeles

04-06-2021

Carros e motas voadores podem estar mais próximos de acontecer do que as pessoas esperam. Depois de termos mostrado os planos da Hyundai para um meio de transporte dos céus, chega agora um projeto ainda mais ambicioso. A LVM 496, uma moto elétrica criada por Ludovic Lazareth, brilha em estrada, mas também voa.

Leia ainda: O capacete que faz uma chamada de emergência em caso de acidente

Em estrada, a moto está equipada com um propulsor elétrico que permite viagens de até 100 km com um único carregamento. No entanto, com a simples ação de premir um botão, consegue transformar a moto numa verdadeira “máquina dos céus”. Como está equipada com quatro turbinas nas laterais, a LVM 496 consegue voar utilizando combustível convencional. Assim, vai conseguir passar, por exemplo, por cima do trânsito durante um máximo de 10 minutos.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

LVM 496, a moto elétrica que consegue voar não é para todos os bolsos

Por fim, esta moto está completamente funcional. Contudo, não vai estar ao alcance de qualquer um, tanto pelo valor como pelo número de unidades produzidas. De facto, sabe-se que Ludovic Lazareth apenas vai produzir cinco unidades. Já o preço estabelecido situa-se nos 560 mil dólares, ou seja, cerca de 500 mil euros. Os felizardos que a adquirirem vão certamente ter uma peça inovadora, mas de coleção.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Percorra a galeria e conheça a LVM 496.

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

04-06-2021



RELACIONADOS