De Tomaso P72 marca o regresso do mítico fabricante italiano

De Tomaso P72 marca o regresso do mítico fabricante italiano

Automundo.pt

De Tomaso P72 marca o regresso do mítico fabricante italiano

A inspiração em automóveis de competição do passado está presente em cada elemento da sua carroçaria.

Artigo de João Isaac

11-07-2019

A De Tomaso aproveitou o Goodwood Festival of Speed para apresentar o seu superdesportivo P72. Este foi, imediatamente, considerado uma das criações mais belas da atualidade, bem como o melhor regresso possível para a De Tomaso durante as celebrações do seu 60º aniversário.

Leia ainda: Aston Martin cria coleção de dois carros que custa 6,7 milhões de euros

A inspiração em automóveis de competição do passado está presente em cada elemento da sua carroçaria. Isto porque remete para, por exemplo, os protótipos das provas de resistência das décadas de 60 e 70.

Motor desconhecido, mas caixa é manual

O P72 foi desenvolvido pelo mesmo grupo de pessoas que criou o Apollo Intensa Emozione. Assim, partilha com ele o chassis, integralmente construído em fibra de carbono. Quanto ao motor, não são ainda conhecidos detalhes. O motor V12 do Apollo poderá ser uma hipótese. No entanto, de acordo com as imagens divulgadas, sabe-se que o P72 utiliza uma transmissão manual.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

A produção vai estar limitada a apenas 72 unidades. Quem quiser fazer parte do mundo De Tomaso e recordar modelos icónicos como o Mangusta e o Pantera, terá de pagar quase 750 mil euros pelo novo P72. A De Tomaso já está a aceitar reservas. Veja aqui mais fotos do De Tomaso P72.

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Artigo de
João Isaac

11-07-2019



RELACIONADOS