Neste país vai ser proibido fazer sexo oral

Neste país vai ser proibido fazer sexo oral

Amor e Sexo

Neste país vai ser proibido fazer sexo oral

Já em 2014,  o presidente do Uganda defendeu publicamente que esta prática sexual causava lombrigas e outros parasitas. 

Artigo de Equipa Paraeles

19-04-2018

No Uganda, o polémico presidente Yoweri Museveni está outra vez a ser notícia e não é pelas melhores razões. Depois de já ter tomado posições homofóbicas, agora quer acabar com o sexo oral. Sim, leu bem.

Recentemente, Museveni criou leis anti-LGBT com o objetivo de criminalizar a homossexualidade e agora culpa os estrangeiros pela banalização da prática do sexo oral, a qual considera ser muito errada. Em declarações à comunicação social do seu país, o presidente contou que já está a preparar uma campanha contra este ato sexual.

Em 2014, o presidente do Uganda defendeu que esta prática causava lombrigas e outros parasitas

“Deixem-me aproveitar esta oportunidade para lançar um aviso público sobre as práticas erradas em que algumas pessoas participam e que são promovidas por alguns estrangeiros. Uma delas é o que chamam sexo oral. A boca é para comer, não é para fazer sexo. Nós sabemos qual é a ‘morada’ do sexo, sabemos onde é que deve ir”, defendeu o presidente do Uganda em discurso. Já em 2014,  o presidente defendeu publicamente que a prática de sexo oral causava lombrigas e outros parasitas.

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

19-04-2018



RELACIONADOS