5 fatores que podem prejudicar seriamente o desempenho sexual

5 fatores que podem prejudicar seriamente o desempenho sexual

Amor e Sexo

5 fatores que podem prejudicar seriamente o desempenho sexual

Já alguma vez sentiu que o seu desempenho sexual deixou um pouco a desejar? O motivo pode estar num destes cinco comportamentos que deve mesmo evitar.

Artigo de Equipa Paraeles

03-12-2019

Quem nunca falhou na cama? É algo perfeitamente normal e só deve assustar caso aconteça com alguma regularidade. Estas falhas podem justificar de inúmeras formas. Existem vários comportamentos, quase que comuns, que podem prejudicar substancialmente o nosso desempenho sexual.

Emilio Sebe Filho, cirurgião especialista em urologia, rins, próstata e prótese, e fundador da Lifemen, rede de clínicas que reúne serviços especializados na área de saúde sexual masculina, afirma que comportamentos como fumar, beber, sedentarismo, stress, ansiedade e má alimentação influenciam negativamente a vida sexual masculina.

Leia ainda: 10 dicas para fugir da gripe nos meses mais frios

“Há uma série de questões que podem afetar o desempenho, tanto psicológicas, emocionais e físicas. Daí a importância de entender cada fator e descobrir como o evitar. O investimento e atenção com a vida sexual ativa deve ser constante”, explica o especialista.

Importa abordar estes comportamentos, separadamente, e entender de que forma podem prejudicar o nosso desempenho. Isto é muito importante, uma vez que uma atividade sexual deficiente pode trazer consequências bastante negativas para a nossa saúde em geral.

Veja o vídeo:

5 fatores que prejudicam o desempenho sexual dos homens:

Insónias. Não dormir corretamente faz com que o cansaço se vá acumulando. Deste forma, o nosso organismo tendo a funcionar de uma maneira mais ansiosa e stressada, o que por sua vez faz com que o sangue tenha mais dificuldade em fluir e, assim, prejudique a ereção.

Beber. O consumo excessivo de álcool é um dos principais responsáveis pelo desenvolvimento de problemas cardiovasculares, diabetes e até excesso de peso. Por sua vez, estes problemas, de uma forma direta ou indireta, acabam por prejudicar o nosso desempenho sexual.

Stress. O stress está diretamente ligado a problemas deste foro como a dificuldade em manter ereções ou ejaculação precoce. Pode ser também o motivo para uma falta de libido.

Veja também: 6 posições para experimentar sexo no duche

Fumar. Este é um dos comportamentos que mais complicações traz ao nosso organismo. Além de prejudicar o nosso sistema respiratório e as estruturas pulmonares, o hábito de fumar também compromete o funcionamento do sistema cardiovascular, o sistema venoso e, por consequência, a nossa atividade sexual.

Sedentarismo. Naturalmente, a falta de atividade física vai fazer com que o condicionamento físico durante o ato deixe a desejar. Além disso, o sedentarismo pode também ter consequências cardíacas e vasculares para o homem, influenciando na capacidade de manter uma ereção.

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

03-12-2019



RELACIONADOS