Afaste-se destes alimentos, caso não queira ser uma desilusão na cama

Afaste-se destes alimentos, caso não queira ser uma desilusão na cama

Amor e Sexo

Afaste-se destes alimentos, caso não queira ser uma desilusão na cama

Os afrodisíacos todos conhecemos, mas sabia que existem alimentos com um efeito contrário? Explicamos tudo e damos exemplos.

Artigo de Equipa Paraeles

23-06-2022

Muito se fala dos alimentos afrodisíacos e da forma como estes podem dar uma ajuda extra e verdadeiramente importante na hora h. Mas, e o seu oposto? Sim, também existem. Chamam-lhes anafrodisíacos e se quer que a sua performance sexual permaneça imaculada deve procurar fugir deles. Não existem estudos muito aprofundados sobre o tema e não são universalmente aceites pela comunidade científica como causadores de uma redução da testosterona ou da libido. Por outro lado, são alimentos que não fazem propriamente bem à saúde no seu geral, pelo que pode mesmo ser uma boa ideia evitá-los. A publicação Health, especialista em assuntos relacionados com saúde, fez uma lista de cinco destes alimentos.

Leia ainda: Descubra o que acontece ao corpo quando deixa de comer laticínios

Afaste-se destes alimentos, caso não queira ser uma desilusão na cama

Álcool. Este não é propriamente uma novidade. A questão aqui prende-se com o beber em excesso. Um quantidade pequena pode dar aquele pequeno empurrão que precisávamos, mas em excesso pode ser depressivo e dificultar a ereção.

Alimentos ricos em sal. O sal e os alimentos ricos neste mineral podem provocar pressão alta que, consequentemente, pode reduzir a libido. Esta foi a conclusão de um estudo de uma clínica no Ohio, nos Estados Unidos.

Veja também: Descubra se as bebidas alcoólicas aumentam o risco de contágio do coronavírus

Ácidos gordos. Um estudo publicado no Asian Journal of Andrology descobriu que gorduras saturadas, como óleos vegetais hidrogenados ou margarina, e alimentos ricos em ómega-6, como girassol, milho, óleo de soja, podem prejudicar o funcionamento dos testículos.

Gorduras saturadas. Contribuem para artérias obstruídas, fluxo sanguíneo deficiente e ganho de peso. Essas consequências, por sua vez, provocam disfunção erétil.

Alimentos ricos em açúcar. O açúcar requer insulina para o seu processamento e este aumento constante de insulina está associado a baixos níveis de testosterona.

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

23-06-2022



RELACIONADOS