11 coisas que acontecem quando deixa de fazer sexo

11 coisas que acontecem quando deixa de fazer sexo

Amor e Sexo

11 coisas que acontecem quando deixa de fazer sexo

De problemas na relação ao enfraquecimento do sistema imunitário, existem muitos problemas associados à falta de sexo.

Artigo de Bruno Seruca

29-05-2019

São conhecidos muitos benefícios que resultam de relações sexuais frequentes. E sobre isso já falámos neste texto. Mas também existem riscos a ter em conta. Isto quando o sexo deixa de fazer parte da vida das pessoas. Independentemente de estar, ou não, numa relação, é fundamental que tenha em mente aquilo que pode acontecer ao seu corpo. Prepare-se para ficar a saber o que acontece ao seu corpo quando o sexo deixa de ser frequente.

Veja o trailer do polémico “Mektoub, My Love: Canto Uno”

1 – Fica mais stressado e ansioso
Quando está stressado poderá pensar em tudo menos em sexo. Mas a ausência de sexo poderá ser responsável pelo stress ansiedade. As relações sexuais reduzem a quantidade de hormonas que são libertadas pelo corpo em resposta ao stress. Se for sexualmente ativo, será mais feliz e saudável, o que faz com que os níveis de stress e ansiedade sejam mais baixos.

2 – O coração poderá não funcionar tão bem
Um estudo revela que pessoas que têm relações sexuais uma vez por mês (ou menos) são mais propensas a sofrer de doenças cardíacas. Isto em comparação com aquelas que têm, pelo menos, sexo duas vezes por semana.

3 – Fará menos exercício físico
Em média, o sexo queima 5 calorias num minuto. Sendo que também usa mais oxigénio. Isto pode não parecer nada de extraordinário, mas pense a longo prazo e some calorias que deixará de queimar.

A falta de sexo enfraquece o sistema imunitário

4 – Poderá ficar com a memória mais fraca
Relações sexuais frequentes estão associadas a uma boa memória. Especialmente em idades entre os 50 e 89 anos. Não existe uma explicação para isto, mas a falta de sexo poderá ter impacto na memória, fazendo com que se esqueça de coisas.

5 – O sistema imunitário fica mais fraco
Estudos revelam que relações sexuais semanais têm um efeito na melhoria do sistema imunitário. Isto em comparação com aqueles que não têm relações sexuais.

6 – A próstata poderá ficar menos saudável
Não existe uma explicação muito detalhada, mas um estudo revelou que os homens que ejaculam menos de sete vezes por mês têm uma maior probabilidade de vir a sofrer de cancro da próstata. Quando em comparação com aqueles que ejaculam, pelo menos, 21 vezes por mês.

7 – Irá dormir menos
Sem sexo, o corpo sentirá falta das hormonas que ajudam a que tenha uma boa noite de sono.

Leia ainda: 8 locais arriscados e ousados para fazer sexo pelo menos uma vez na vida

8 – Sentirá mais dores
O sexo é excelente para curar dores de cabeça e outras dores. O orgasmo faz com que o corpo liberte endorfinas e hormonas que ajudam a aliviar dores.

As relações sexuais são ótimas para curar dores

9 – Pode dar origem a problemas sexuais
Pode soar estranho, mas a falta de sexo poderá dar origem a problemas sexuais no futuro. Por exemplo, os homens que têm relações sexuais menos de uma vez por semana são mais propensos a ter disfunção erétil. Já as mulheres na menopausa podem ficar com o tecido vaginal mais fino. Podendo ainda encolher ou secar. Algo que poderá diminuir o desejo sexual ou tornar o sexo doloroso.

10 – A pressão sanguínea pode subir
As relações sexuais ajudam a manter a pressão arterial baixa. Por isso, já sabe o que acontece com a falta de sexo.

11 – A relação pode mudar
Lembra-se de termos dito que os efeitos também afetam aqueles que estão numa relação? Pois bem, a falta de sexo poderá levar a um afastamento entre o casal. Até porque as relações sexuais têm um efeito no cérebro que une ainda mais o casal e que tem uma duração de dois dias.

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Siga o ParaEles no Instagram
Instagram @paraelesofficial

Artigo de
Bruno Seruca

29-05-2019



RELACIONADOS