Joana Sousa: “Já me perguntaram várias vezes se o meu perfil era ‘fake'”

Joana Sousa: “Já me perguntaram várias vezes se o meu perfil era ‘fake'”

Galerias

Joana Sousa: “Já me perguntaram várias vezes se o meu perfil era ‘fake'”

Joana Sousa tem 22 anos, nasceu e cresceu na zona de Coimbra, mas em 2008 mudou-se para França. Adepta do Benfica, revela que gosta dos seus lábios e de homens que sabem o que querem.

Toda a gente irá concordar se dissermos que Portugal tem muitos encantos espalhados de norte a sul. Boa gastronomia, praias de enorme qualidade e uma oferta cultural acima da média, entre muitas outras coisas que fazem as delícias de quem cá mora e dos milhões de turistas que todos os anos visitam o nosso país.

O que tem também muito encanto é percorrer o feed do Instagram e constatar que está repleto de mulheres portuguesas que partilham diariamente imagens fantásticas – as quais merecem toda a nossa e vossa atenção. E como não queremos que perca horas e horas a tentar encontrá-las no Instagram, basta que visite o nosso site para ver o que de melhor há nesta rede social.

Joana Sousa tem 22 anos, nasceu e cresceu na zona de Coimbra, mas em 2008 mudou-se para França. Adepta do Benfica, revela que gosta dos seus lábios e de homens que sabem o que querem.

Olá, Joana, apresenta-te aos nossos leitores.
Chamo me Joana Sousa, mas quase toda a gente me trata por Mary Jane. Tenho 22 anos e vivo no sul de França.

Que ligação tens a Portugal?
Cresci em Coimbra, mais precisamente em Penacova. Vivi em Portugal até aos meus 12 anos e em 2008 mudei-me para França.

Quais as principais diferenças que encontras entre os dois países?
Praticamente a todo o nível, ou seja, na comida, o clima, o modo de vida, etc. Apesar de serem dois países latinos, não há muito em comum entre eles.

“Quando não consigo ir ao ginásio, costumo correr”

Estás realizada profissionalmente?
Tirei uma licenciatura de Comércio Internacional e trabalho numa empresa de merchandising. Como se costume dizer, trabalhe em silêncio e o sucesso encarrega-se do resto.

Falemos de bola.
Gosto de futebol, influenciada por ter crescido no meio de pessoas que também gostavam. E sou do Benfica. Tenho alguns jogadores preferidos e, como se diz em Portugal, o que é nacional é bom.

Por falar em desporto, como é que manténs a boa forma?
O segredo passa por ter uma boa alimentação e praticar exercício físico com regularidade. Quando não consigo ir ao ginásio, costumo correr.

E o que gostas mais no teu corpo?
Dos meus lábios.

E nos homens?
Hoje em dia vivemos numa sociedade onde tudo vive de aparências. Vidas falsas sentimentos falsos, amizades falsas etc . Acho que aquilo que hoje me pode impressionar num homem é mesmo a sinceridade. Não ligo muito à parte física, mas gosto de pessoas que saibam o que querem.

Quando o tempo aquece, como é que são os teus biquínis?
Coloridos, para quando ficar morena fazer contraste.

E quando não estás a trabalhar, como é que ocupas o teu tempo livre?
Gosto bastante de cozinhar, ler e viajar.

Em relação ao Instagram, qual é a tua foto preferida?
É uma foto que tirei na Tailândia, mais concretamente numa pequena ilha chamada Koh Samui.

Calculo que recebas mensagens de todo o tipo. Alguma que se destaque das outras todas?
Já me perguntaram várias vezes se o meu perfil era ‘fake’. Confesso que é bastante constrangedor.

E o que é que os teus amigos e namorado acham das fotos que vais partilhando no Instagram?
Nunca liguei muito ao que os outros pensam, mas analiso sempre todas as críticas, quando elas são construtivas.

Quanto tempo demoras, depois de acordares, até ires dar uma espreitadela no feed do Instagram?
Visto que demoro muito a preparar-me, talvez duas horas. Mas passam dias que nem vou lá.

E qual é a última coisa que fazes antes de adormecer?
Gosto pensar nas coisas positivas que o dia me proporcionou, mas também nas negativas, para tentar analisá-las e assim poder avançar.

Ainda não segue a Joana Sousa no Instagram? Então não sabe o que anda a perder.

PÈ
Artigo de
Equipa Paraeles

RELACIONADOS